Como mudar sua vida em 30 dias? – Dia 6

Ontem vimos que a cada momento, o que fazemos é fortemente moldado pelo estado emocional em que nos encontramos. Que quando estamos em um estado em que nos sentimos frustradas, tendemos a nos comportar de maneira muito diferente do que quando estamos nos sentindo confiantes, animadas ou determinadas.

Uma vez que vivemos no mundo criado pela nossa percepção, uma das coisas mais importantes que você pode fazer, para aprender a controlar o nosso estado emocional, é prestar atenção à sua conversa interna. Verifique as palavras que você usa para falar consigo mesma, as perguntas que você se faz, as afirmações que você se faz. Você está sendo positiva? Está se tratando com respeito? Você está generalizando ou exagerando a importância da situação?

Policie-se e tente eliminar a negatividade da sua cabeça. Tente ver que tudo sempre tem dois (e até mais) lados, que sempre há uma forma melhor de ver e reagir a qualquer situação. Seja gentil consigo mesma. Evite, principalmente, se culpar por tudo e se cobrar demais.

Para mudar seu foco, em qualquer situação em que seu estado emocional não seja o desejado:
1. Pergunte-se Em que vou colocar meu foco? Nos fatos ou na minha interpretação da situação? Busque apenas os fatos, evitando fazer qualquer julgamento da situação.
2. O que isso significa? Busque as possíveis causas, sempre tentando ver a situação desde diferentes pontos de vista. Coloque a situação em perspectiva, e evite levar para o lado pessoal. Geralmente os fatos não dizem nada em relação a você e as situações costumam ser bem mais simples do que você imagina. Por isso, se esforce para identificar a causa mais provável e não aquela que sua neura está imaginando. Não faça tempestade em copo de água.
3. Finalmente, uma vez identificados a situação real (não o seu julgamento da realidade) e sua causa mais provável (e não a sua teoria da conspiração), pergunte-se: O que vou fazer a respeito? Qual a resposta mais inteligente a esta situação? Qual o meu objetivo a longo prazo? Isso lhe permitirá escolher como agir, sem depois ter que se arrepender por ter perdido a cabeça.

Como você pôde ver nesses dois últimos dias, da mesma forma que a força da mente pode ajudar a ultrapassar limites do corpo, a sua fisiologia afeta o seu estado emocional. Como mesmo é quase impossível pensar no suco azedo de um limão sem salivar, não tem tristeza que resista a uns minutos de dança bem animada. Corpo e mente estão intimamente ligados, assim, quando você aprende a mudar um deles, aprende a alterar o outro.

Tarefa do dia
Faça uma lista de pelo menos 10 perguntas que você vai a adicionar ao seu dia a dia para controlar seu foco mental e, por conseguinte, seu estado emocional.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s