Somos humanas e, como tal, estamos sempre insatisfeitas com alguma coisa. Mesmo quando somos invejadas, ou quando todos pensam que nossa vida é um mar de rosas (e muitas vezes é, mesmo que a gente não o saiba ou não o reconheça) queremos mais. Outras vezes, mudanças (positivas ou negativas) em nossas vidas nos fazem sentir que falta algo. Seja pelo motivo que for, sempre sentimos que podemos ter algo mais ou ser ainda melhores, e é isso que nos faz crescer e procurar o melhor de nós mesmas.

Por isso, hoje vamos criar uma tabela que nos permita representar graficamente o tipo de equilíbrio que existe entre as diferentes áreas da sua vida, elucidando possíveis tensões e/ou questões que poderiam ser melhor tratadas; mostrando, ao mesmo tempo, as diferentes possibilidades que existem.

Utilize esta ferramenta para refletir sobre as principais áreas da sua vida pessoal e profissional, e descubra o seu grau de satisfação em cada uma delas.

Pegue seu caderno e comece desenhando uma tabela com quatro colunas. Na primeira coluna coloque as principais áreas da sua vida pessoal: Ambiente físico, Desenvolvimento pessoal, Saúde, Dinheiro, Relacionamentos e Lazer. Na segunda coluna coloque os Aspectos positivos, o que você gosta da sua vida em cada uma dessas áreas. Na terceira coluna coloque os Aspectos negativos, aquilo que você não gosta da sua vida em cada uma dessas áreas.  Na quarta coluna coloque o Grau de satisfação e, usando a escala de 1 a 10, sendo 1 pouco satisfeita e 10 totalmente satisfeita, dê uma nota para cada uma dessas áreas. Suporte cada uma dessas notas anotando o que faz você dar essa avaliação.

Quando falo de satisfação me refiro à sua percepção, à sua opinião pessoal com respeito à sua vida. Por exemplo, você pode ganhar um milhão por mês, mas dar nota 5 a sua satisfação com o salário, pois você tem certeza de que merece ganhar mais. Ou tal vez você tenha dezenas de amigas e um casamento perfeito, mas, mesmo assim, sua satisfação com os relacionamentos ser nota 6 porque você acha que devia dedicar-lhes mais tempo.

Agora faça a mesma coisa com a sua vida profissional. Desenhe uma tabela com quatro colunas. Na primeira coluna coloque as principais áreas da sua vida profissional: Ambiente de trabalho, Carreira, Aproveitamento do tempo, Salário, Relacionamentos e Responsabilidades. Na segunda coluna coloque os Aspectos positivos, na terceira coluna coloque os Aspectos negativos, e na quarta coluna coloque o Grau de satisfação, usando a escala de 1 a 10.

Use este exercício para identificar o quê e como você está fazendo. Use a sua insatisfação para descobrir o que você realmente quer. Que nota você gostaria de alcançar em cada uma dessas áreas? Que pequenas mudanças você poderia realizar em alguma dessas áreas que implicasse em um salto em seu grau de satisfação?

Vá devagar. Não queira fazer grandes mudanças de uma só vez. Pense em pequenas mudanças, pequenos passos fáceis de realizar, mas que no final podem fazer uma grande diferença na sua vida.